Fale com nossa equipe
A imagem mostra um jovem ouvindo música com fones de ouvido e atrás há uma escadaria cor de laranja que dá acesso à uma arquibancada

Métodos de Ensino no Futebol

Por: Bruna de Fáveri

Postado

-

Atualizado em

Neste texto, explicaremos sobre os principais métodos de ensino do Futebol para você compreender melhor a respeito deste assunto.

Modalidades coletivas como o Futebol, por exemplo, possuem como característica principal a organização do jogo entre ataque, defesa e transições. Entretanto, no Futebol também há a presença de princípios e intenções táticas pautadas dentro daquilo que o jogo oferece e exige. Portanto, o processo de ensino do Futebol requer a aplicação de princípios didáticos, pautados em metodologias e ações pedagógicas que contemplem um ensino eficiente.

De maneira geral, os métodos de ensino no futebol mais conhecidos na literatura e que exemplificaremos neste texto são os métodos: analíticos, globais e mistos. Porém, outros métodos e abordagens de ensino estão presentes na literatura com características que se encaixam ora nos métodos analíticos, ora nos globais. A exemplo, estão os métodos situacionais, os métodos dos jogos reduzidos, os métodos confrontacionais entre outros.

Mas quais as características predominantes nas ações dos principais métodos de ensino no Futebol?

Método Analítico

O método analítico é muito conhecido pela sequência de“exercícios técnicos¨ isolados. Caracteriza-se pela aprendizagem através das técnicas e fundamentos, sem o envolvimento de situações de jogo, ou seja, em alguns momentos, sem a presença de companheiros e do adversário.  Este método, dá ênfase à biomecânica do movimento, e a técnica é desenvolvida em um processo sequencial. Partindo do mais simples para o mais complexo, em uma perspectiva descontextualizada do jogo em si, pois a prioridade é o padrão do movimento.

Método Global

O método global fundamenta-se em desenvolver estruturas de jogos menos complexas que o jogo formal, como jogos pré-desportivos, recreativos, de iniciação, etc. Esta metodologia deverá promover atividades/jogos desafiadores, em que problemas táticos são constantemente exigidos durante os jogos. Assim, o jogador é estimulado a pensar e tomar decisões de forma contínua.  Ao invés de enfatizar a aprendizagem de fundamentos técnicos isolados, o método global estimula a capacidade de descoberta pela prática através do desenvolvimento do jogo.

Estes jogos, portanto, propiciam o contato direto do jogador com o adversário, em um ambiente instável com ou sem bola de forma dinâmica. Costuma-se afirmar, que este ensino se pauta em três fatores: comportamento tático; desenvolvimento técnico; e o domínio do espaço de jogo.

Método Misto

É a mescla entre os dois métodos de ensino explicitados acima. Parte da abordagem técnica no início da sessão de treino e finaliza com a prática de atividades em formato de jogos.  Este método possibilita mais vivências práticas contextualizadas se comparado ao analítico, pois quando o atleta não consegue executar tal função no jogo eficazmente, o treinador utiliza uma série de exercícios ou jogos com ênfase na melhora do processo, permitindo correções e evoluindo para o jogo formal.

Além destes, outros métodos também são estudados na literatura:

Método Situacional

Este método é caracterizado pela prática de situações de jogo semi-estruturadas (situações extraídas do jogo), que envolvem comportamentos individuais e coletivos. A ênfase deste método é desenvolver a capacidade cognitiva do atleta no seu espaço de jogo, como a percepção, antecipação, e tomadas de decisão; com e sem bola. Alguns autores denominam este ensino como jogos condicionados ou métodos de série de jogos. Na prática, o professor adapta espaço, número de atletas, regras, mas sem alterar os princípios do jogo.

De maneira geral, este método permite desenvolver competências para os atletas solucionarem os problemas específicos do esporte através do desenvolvimento das capacidades cognitivas, coordenativas e técnico-motoras.

Método dos Jogos reduzidos

Em princípio, alguns estudos contemplam também o método de jogos reduzidos, na qual são realizados jogos em espaços pequenos, onde os elementos da estrutura das modalidades coletivas devem estar presentes. São estes os elementos: bola; regras; espaço; adversários; colegas; meta. Os jogos vão sendo adaptados conforme o objetivo do treino e do treinador.

Métodos de confrontação ou jogo formal

Além disso, na literatura, encontra-se o método de confrontação, ou jogo formal. Este consiste em aprender o jogo com suas características formais, sem divisões de etapas, ou objetivos preliminares a serem trabalhados. Um exemplo clássico, é o “coletivo”, onde a aprendizagem se dá através da organização do jogo formal entre o confronto das duas equipes. A estruturação desta atividade está relacionada diretamente com a busca pela vitória, seja na divisão das equipes, na elaboração de estratégias, no confronto direto entre os jogadores, entre outros.

O que entendemos sobre Métodos de Ensino no Futebol?

Contudo, fica claro que o professor e/ou treinador precisa ter conhecimento sobre a existências destas metodologias, da pedagogia e dos processos de ensino aprendizagem, além de recorrer ao método de ensino conforme o momento e situação durante seus treinos e aulas. Pois, o professor/treinador é o agente mediador da compreensão do jogo com seus atletas. Desse modo, a utilização das metodologias vêm de encontro com a realidade social, com a adequação a faixa etária dos atletas, seja a abordagem em escolinhas, clubes, etc.

Durante as partidas é comum evidenciarmos que os atletas que mais se destacam em campo, são aqueles que melhor conseguem selecionar as informações, e antecipam melhor as situações específicas do jogo. E estas ações cognitivas e motoras devem ser treinadas. Por isso, é essencial que na sessão de treinamento o contexto de jogo e o comportamento inteligente do atleta/aluno sejam desenvolvidos. Mas qual o caminho para alcançar tal objetivo? As metodologias servem justamente para isso, para embasar o ensino do treinador.

Referências para Leitura sobre métodos de ensino no futebol:

Cotta, Rafael Martins. Treino é jogo! E jogo é treino! A especificidade do treinamento no futebol atual- Rafael Martins Cotta.

Moreira, Renato Lopes. Tática no Futsal: anotações teóricas e práticas sobre o jogo.

Balzano, Otávio Nogueira. Futsal: Treinamento com jogos táticos por compreensão.

GRAÇA, A.; MESQUITA, I. A investigação sobre os modelos de ensino dos jogos desportivos. Revista Portuguesa de Ciências do Desporto, v.7.

Contato da Autora:
Instagram: @Torettifaveri

Receba nossa Newsletter

A imagem mostra um jovem ouvindo música com fones de ouvido e atrás há uma escadaria cor de laranja que dá acesso à uma arquibancada

Ouça nosso Podcast GRATUITO

Gostou dos conteúdos do Ciência da Bola? Deixe seu e-mail e te enviaremos mais.