Fale com nossa equipe

Como gerar espaço-tempo no Futebol?

Por: Roberto Augusto

Postado

-

Atualizado em

Um Jogo de gestão de espaço

Antes de entendermos sobre como gerar espaço-tempo no futebol, vale destacar um trecho do livro “Para Um Futebol Jogado com Ideias” dos Professores Israel Teoldo, Júlio Garganta e José Guilherme. Veja a definição usada para tática:

“É a forma como os jogadores gerem/ocupam os espaços de jogo, por meio de seus posicionamentos e movimentações.”

E você já ouviu falar sobre ocupação racional do espaço, um dos pilares do famoso Jogo de Posição? Afinal, o Futebol é um jogo de gestão de espaços, nada mais lógico que ocupar esses com intenção, dando sentido a toda e qualquer movimentação.

Gerar espaço-tempo longe do centro de jogoO que é o Centro de Jogo?

A princípio, o Centro de Jogo nada mais é que um círculo com 9,15m de raio, cujo o centro é a bola. Você deve ter percebido que esse também é o raio do círculo central e a distância da marca do pênalti até a meia-lua da grande área, né? Mas então, porque 9,15m? Pois bem, essa resposta é dada com grande didática no livro “Para Um Futebol Jogado com Ideias”. Então, sem mais delongas, o motivo dessa distância específica foi constatada matematicamente: com o marcador a 9,15m se torna fácil passar a bola com boa velocidade e precisão, sem que o receptor tenha dificuldade no domínio. Ou seja, em outras palavras, essa distância mínima facilita a dinâmica do jogo.

Gerar espaço-tempo no futebol
Fonte: (Retirado do livro “Para Um Futebol Jogado com Ideias”)

A importância de saber jogar sem a posse

Além disso, no livro “Os números do Jogo” os autores citam um estudo do Cientista do Esporte Chris Carling que constatou que os jogadores ficam em média 53,4s com a posse da bola. Assim, será que a sua participação sem bola, que seriam os outros mais de 89 minutos, não é relevante?

“[…] O mais importante é o que você faz durante os outros 87 minutos em que não tem a bola. Isso que determina se você é bom jogador ou não”. Johan Cruyff

Do mesmo modo, a frase acima do lendário Johan Cruyff, que mencionou valores diferentes, as ações sem a posse diferenciam os grandes jogadores dos comuns.

Espaço-tempo gerado para si

Através da movimentação nas costas da linha defensiva:

Espaço-tempo gerado para o companheiro

A partir de uma movimentação, quando esta tem a intenção de atrair atletas adversários:

Através de seu posicionamento, quando este tem a intenção de fixar atletas adversários:

Gerar espaço-tempo no Futebol a partir da bola

Espaço-tempo gerado para si

Mediante a condução da bola para zonas de menor pressão:

Ao dominar a bola já se preparando para o movimento seguinte (domínio orientado):

Espaço-tempo gerado para o companheiro

Ao conduzir a bola com a intenção de atrair a atenção do marcador de um companheiro, fazendo com que este colega de equipe tenha espaço-tempo para progredir:

Através do passe para um companheiro, mas visando outro colega de equipe que receberá a bola posteriormente com espaço para progredir (3° homem):

A arte de gerar dúvida…

O espaço-tempo é gerado quando seu adversário se encontra em meio a dúvida. Subo a pressão ou mantenho o posicionamento? Se eu subo a pressão, em que a faço? Esse curto instante de tempo, em que o adversário está em dúvida (e muitas vezes já tenha realizado um movimento incorreto) é o suficiente para que se tome uma melhor decisão ou um espaço para progredir seja gerado. Mas, o que você quer dizer com isso? Bom, que qualquer modo de enganar ou distrair o adversário (claramente, dentro das regras impostas pelo Jogo) é capaz de gerar vantagens de tempo e espaço.


Contato do autor – Instagram: @ralazzarottop

Gostou dos conteúdos do Ciência da Bola? Deixe seu e-mail e lhe enviaremos mais.


Deixe seu comentário